• #SOS PRAIA DO SOL
    Toda flora e fauna serão afetadas, senão exterminadas. Como a avenida prevê aterramento com pedras sobre área de preamar e restinga, é possível que toda a faixa de areia seja eliminada e a praia não tenha mais área para banhistas. As residencias da praia serão radicalmente desvalorizadas, o comércio terá uma redução significativa do movimento, levando a praia do sol a se tornar um mero bairro sem possibilidade nenhuma de balneabilidade e, com isso, sem o turismo que movimenta a economia da região. Existem alternativas e precisamos que a prefeitura discuta com os moradores e turistas este projeto.
    92 de 100 Assinaturas
    Criado por Maikon Birnfeld
  • Salve as baleias e focas marinhas
    Porque a vida desses animais é muito mais importante que o dinheiro que é ganho com a morte deles.
    4 de 100 Assinaturas
    Criado por Isabela Dourado
  • Defenda os corais da Amazônia
    Os corais constituem um ecossistema marinho albergando uma biodiversidade extraordinária, atuando com uma enorme importância ecológica para o meio ambiente, porque além de darem abrigo e alimento para a maioria dos seres que nele vivem, funcionam como um filtro de água do mar já que se alimentam por essa filtração.
    5 de 100 Assinaturas
    Criado por BEATRIZ Barbosa Pires
  • Menos plástico no mundo
    porque isso além de ajudar os animais e também poder garantir vida a eles, diminuirá a poluição mundial ajudando pessoas para viver em um ambiente consciente e saudável.
    2 de 100 Assinaturas
    Criado por Vitor Emanuel
  • As Três Praias precisa do Espírito Santo
    A preservação das matas do mar da fauna marinha está sendo ameaçada, o acesso das pessoas a praia já que será um condomínio privado. Asfalto e esgotos e a derrubada de matas nativas.
    9 de 100 Assinaturas
    Criado por Fabíola Cristina Peterle Lisboa
  • Emissário Submarino nem pensar - Florianópolis/SC
    Florianópolis precisa de uma revisão imediata da sua gestão do saneamento com foco em alternativas tecnológicas sustentáveis e descentralizadas e conclusão da concepção geral do sistema de esgotamento sanitário da cidade conforme diretrizes do Plano Municipal Integrado de Saneamento Básico e Plano diretor
    3 de 100 Assinaturas
    Criado por Carlos Apollaro Picture
  • Fim das sacolas dos supermercados em “salvador” BA
    Primeiro porque ela mexe com o nosso bolso. Aqui em salvador, pra levar sacolinha do supermercado as vezes é preciso pagar. No geral, o custo de cada sacola fica em torno de 20 centavos. Então pensa o quanto não custa pras famílias que fazem aquelas compronas de mês? Outra questão grave são as sacolinhas verdes (e cinzas) que sempre colocam no lugar pra dizer que a empresa ( Rede de supemercados ) mudou está mais verde . Bom todos nós sabemos que de verde elas não têm nada . Ainda que sua composição seja mais de 50% de materiais biodegradáveis, o resto ainda é plástico, que no Brasil praticamente não é reciclado. Ou seja, ainda é um lixinho desnecessário. Conscientização A análise, a discussão e a divulgação de todos os argumentos prós e contras em relação ao uso de sacos plásticos é o ponto chave para gerar a conscientização ambiental. O início de uma mudança cultural e estrutural na relação do poder público, poder privado e sociedade com os resíduos, é necessária. O cidadão tem que enxergar o seu papel nessa nova cultura que está sendo proposta. Saber da sua responsabilidade e agir de forma ativa na busca por um descarte adequado dos resíduos produzidos. Só assim as normas estabelecidas a favor do meio ambiente serão colocas em ação pelas pessoas. Elas têm que se sentir parte de um processo, no caso da coleta seletiva, e não simplesmente serem privadas de usar um recurso tão comum no seu dia a dia sem maiores explicações. Todo plástico já produzido ainda existe. Eles demoram 400 anos para se decompor. Se continuarmos os consumindo de maneira irresponsável, até 2050 poderá haver mais plástico que peixes nos oceanos. .
    5 de 100 Assinaturas
    Criado por Maicon Alves fagundes Picture
  • SOS MARESIAS - MEIO AMBIENTE - SAÚDE - SEGURANÇA
    A degradação do meio ambiente traz risco à saúde de pessoas e de animais, compromete a qualidade de vida e expõe o ecossistema, já fragilizado, ao risco de destruição. A comunidade de Maresias depende do turismo e da pesca. Com os rios e mar comprometidos, Maresias passa por uma fase de eminente colapso que pode ser tornar irreversível. Com o meio ambiente comprometido, a predisposição ao surgimento de doenças aumenta e isto, além de ser importante, fica ainda mais agravado por não existir condições de suporte ao atendimento público na área da Saúde (faltam médicos na rede pública). Maresias merece respeito... merece carinho e atenção... pessoas, animais e vegetação nativa estão sofrendo...
    664 de 800 Assinaturas
    Criado por Ricardo Horliana
  • Praialimpa
    As marias estão cada dia mais poluídas e se cada um fizer sua parte o quadro melhora.
    4 de 100 Assinaturas
    Criado por CAROLINA HAYNE
  • Salvem a laguna de Araruama
    Para o meio ambiente, turismo, e saúde da população.
    23 de 100 Assinaturas
    Criado por Raphael Fonseca Nunes Pereira Picture
  • FORA CATTALINI
    Imbituba é o BERÇÁRIO DA BALEIA FRANCA e é rica em belezas naturais. Tem vocação para o turismo ecológico, de aventura e esportivo e tudo isso estaria comprometido com a ameaça de uma explosão. Esta empresa já tem histórico de explosões no Porto de Santos, Paranaguá e em navios. Um desastre aqui destruiria o meio ambiente e o centro comercial do município. A poluição do mar e do ar é coisa que o imbitubense já vivenciou com a ICC (Indústria Carboquímica Catarinense) e não quer mais para si.
    988 de 1.000 Assinaturas
    Criado por Marcia Martins da Silva
  • Reciclagem Legal
    A produção excessiva de lixo envolve diversas problemáticas, entre elas destaca-se a demora de decomposição de alguns materiais - como o plástico - e os recursos naturais utilizados para sua produção. Esses processos necessitam de grandes quantidades de água e energia, que liberam gases poluentes, além da liberação de resíduos sólidos e frequentes vazamentos de petróleo em ambiente marinho.
    5 de 100 Assinaturas
    Criado por Gabriella Massafera