• Poluição dos ribeirões Ponte Alta, Dos cavalos e do Chá - Itapetininga.
    É importante que a CETESB e a Presidencia do comitê da Bacia do Alto Paranapanema fiscalize a Sabesp no tratamento do esgoto. fazendo os procedimentos adequados nas lagoas. pois a falta de responsabilidade esta afetando diretamente a população dos bairros Curuça 1, 2, 3. pois o esgoto cai in natura no Rio Itapetininga
    27 de 100 Assinaturas
    Criado por Carlos Roberto Poranga Picture
  • Quero ver meu rio limpo
    É importante para acabar com a mortandade de peixes que aconteceu após o líquido ser jogado no Rio São Lourenço, principalmente no Distrito de São Lourenço do Turvo. Mais uma vez o Rio São Lourenço, que é sem cheiro forte antes da tubulação que joga o líquido (algumas pessoas dizem que é um produto chamado Delimoleno) está sofrendo ataque do Povo Porcão.
    11 de 100 Assinaturas
    Criado por Sergio Figueira Picture
  • Porto Alegre não quer o complexo Belvedere
    A construção deste projeto desmatará uma grande área verde localizada próximo ao Jardim Botânico. Porto Alegre carece de mais área verde e não de shoppings, torres comerciais e hipermercados.
    595 de 600 Assinaturas
    Criado por Márcio Roberto de Mello
  • Preservação da Àrea Verde da Serra de Santa Helena Sete Lagoas MG
    Pois bem, toda área de preservação, tem como base de dados e fundamentos legais que regem as leis de uso e ocupação do solo, na qual o mínimo de 5 m do limite da extensão urbana para que não evadam a área verde. Porém, deva ser por fins lucrativos a população está sofrendo com tal feito, basta verificar por imagens em satélite, estão aceitando o desmatamento para construção da malha urbana, com qual fundamento? Qual finalidade vai ajudar desmatando área de preservação? Os animais estão ficando sem sua moradia natural, a população sofrendo com um todo, pois a cada árvore desmatada, deva se plantar no mínimo 10 unidades similares ou equivalentes, e no entanto não está ocorrendo assim. Salve o verde, salve a força da natureza, eles não vão nos calar. Não tenho poder nenhum perante os governantes, mas eu me ponho a total disponibilidade para ajudar a acabar com a falta de conscientização. #Chega
    35 de 100 Assinaturas
    Criado por Davidson Lucas Mendes Saoares Picture
  • SOS RIBEIRÃO VARRE-SAI/RJ
    O Município de Varre-Sai/RJ, pertencente à Microrregião de Itaperuna, localizado no Noroeste Fluminense do Estado do Rio de Janeiro, com população de 9. 966 hab. IBGE/2014, situado a 363 km da Capital. A cidade de Varre-Sai/RJ é cortada pelo Ribeirão Varre-Sai/RJ, um dos afluentes da bacia hidrográfica do Rio Itabapoana/RJ, através do Rio da Prata, tendo sua origem localizada na Serra dos Pirozzi, Zona Rural do Município, com uma grande extensão. Um Ribeirão que antes da cidade se formar em suas margens, era cheio de vida, onde suas águas podiam ser utilizadas para consumo humano, era composto por várias espécies de peixes que serviam como fonte de alimentos para toda comunidade e era indispensável para manter o fluxo ambiental com qualidade, beleza e vida. Hoje, o Ribeirão Varre-Sai é um esgoto a céu aberto, uma vala, sem vida, poluído, assoreado, praticamente morto, onde a vida marinha já não existe, tudo isso devido a falta de Programas e Projetos do Poder Público que despoluem o Ribeirão que hoje mais parece um córrego, com nível de água mínimo, cheio de lixo e com mau cheiro insuportável, principalmente em períodos quentes. Varre-Sai/RJ não possui rede esgoto tratada e o mesmo é criminalmente descartado de forma imprudente e monstruosa nas águas do Ribeirão Varre-Sai/RJ. Como viver e conviver com uma triste sena em nosso cotidiano, de uma agressão desumana que nós humanos praticamos todos os dias como algo rotineiro de nossa vida? Algo precisa ser feito urgente, dizer e não fazer, jamais resolverá o problema, nosso Ribeirão chora em silêncio, clama por socorro e segue lutando por sua vida, então, é preciso olhar para tudo que tem acontecido e buscar pelos meios legais, soluções sérias e imediatas para deixarmos para as futuras gerações, um legado de proteção ambiental e não de destruidores do meio ambiente. Somos apenas uma gota no oceano, mas se nos juntarmos e lutarmos por algo em que acreditamos, podemos mudar o lugar onde vivemos e como diz a música Imagine de John Lennon "Imagine todas as pessoas, partilhando todo o mundo, espero que um dia você junte-se a nós, e o mundo viverá como um só." FAÇA ACONTECER, SAIA DA TEORIA E PROVE A PRÁTICA, ELA MUDA O MUNDO.
    20 de 100 Assinaturas
    Criado por Luciene de Fátima Lima Marques Picture
  • Pelo Fim dos canudos Plásticos em Manaus
    Para termos uma Amazônia digna, para que nossos rios possam ser limpos a ponto de nossas crianças se banharem. Pelo respeito as comunidades indígenas, por respeito a todos <3
    129 de 200 Assinaturas
    Criado por Rômulo Falabelo Picture
  • UMA CIDADE SEM ÁRVORES É UMA CIDADE MAIS POLUIDA
    A importância do não corte das Árvores está ligada a vários fatores: Uma grande árvore pode providenciar as necessidades de oxigênio para nossa existência Retém CO2 Árvores podem reduzir a incidência de asma, câncer de pele e doenças relacionadas ao estresse, pois ajudam a diminuir a poluição do ar, promovem sombreamento e um ambiente atrativo, calmo e adequado para recreação Ajudam a reduzir em até 10% o consumo de energia por meio do efeito de moderação climática local Desenvolvem um papel importantíssimo no ecosistema pois são responsáveis por manter mais de 50% da biodiversidade Árvores reduzem poluição sonora e os ventos, mantendo umidade do ar e chuvas regulares Fornecem base para produtos como medicamentos e chás, além de frutas, flores, sementes, fibras, madeira, látex, resinas e pigmentos Promovem saúde dos solos e evitam erosão com suas raízes Beleza natural para nossos olhares e almas.
    24 de 100 Assinaturas
    Criado por Penelope Alvarenga Picture
  • Lago de Palmas águas douradas do Tocantins
    É importante manter o meio AMBIENTE livre de poluição em nosso ar e água , para preservar o ecossistema de nossa região.
    74 de 100 Assinaturas
    Criado por Elizabete Gomes Ferreira Gomes Ferreira
  • Volta Redonda Sem Cinzas
    Moradores de Volta Redonda, no Sul do Rio de Janeiro, continuam reclamando de um pó preto que está saindo da Companhia Siderúrgica Nacional (CSN). Eles alegam sofrer prejuízos ambientais e para saúde causados pela emissão do pó. O morador Frederico Griman fez um teste com o material e observou que ele é atraído por um ímã. Griman vive no bairro São João e recolheu um pouco da poeira preta e o colocou em cima de um papel, e passou um ímã embaixo. “É uma mistura de poeira com malha de ferro. Nesse teste mostra que tem mesmo ferro, pois o pó é atraído pelo ímã. É só Física”, disse. (veja no vídeo acima) A qualidade do ar e o tipo de pó que tem chegado a casa dos moradores é motivo de preocupação. "Esse é o material que vem sido despejado pela cidade, aparentando não ter o menor cuidado. E é frequente. E olha que essa não é uma região que cai muito pó na cidade. Existem áreas que são mais precárias", desabafou. Ele e outros moradores estão assustados com o que esse material pode causar a saúde. "E não dá pra saber quanto disso a gente absorve, na nossa respiração, o quanto disso que contamina o nosso ar, nossos alimentos, nossa água", lamentou Frederico. Por nota, a CSN informou que faz o monitoramento da qualidade do ar e que nas últimas semanas não houve variação entre os parâmetros regular e bom, e que faz tudo isso com o acompanhamento do Instituto Estadual do Ambiente (Inea). Até a publicação desta reportagem (TV Rio Sul, afiliada Rede Globo, 12/07/2018), o Inea não havia emitido uma resposta sobre o assunto.
    17 de 100 Assinaturas
    Criado por Leonardo Pinheiro Rodrigues Picture
  • NÃO AO LIXO NA RUA
    Existem muitos outros problemas, mas vamos falar sobre enchentes. Especificamente nos rios, a enchente ocorre porque o lixo causa o assoreamento. Neste processo ocorre o acúmulo de lixo, entulho e outros detritos no fundo dos rios. Com isso, o rio passa a suportar cada vez menos água, provocando enchentes em épocas de grande quantidade de chuvas .O problema de entupir boeiro é só mais um dos problemas que agravam as enchentes.
    45 de 100 Assinaturas
    Criado por Micheli Doria Picture
  • Pelo fim dos canudos em Goiás!!
    Uma pesquisa feita por organizações ambientais, mostra que o plástico constituiu 90% do lixo flutuantes dos oceanos, e que os canudos estão no topo dessa cadeia. Por não ser um produto biodegradável, pode levar até mil anos para se decompor no meio ambiente! E não adianta usar o canudinho de plástico, jogar na lixeira e achar que está tudo bem. Mesmo se descartado corretamente, e levado a aterros legalizados, o canudinho pode escapar pela ação do vento (principalmente por ser leve) e ser carregado pela chuva para mares e rios, impactando toda a fauna aquática. Agora vou lhes mostrar 7 motivos para acabarmos com o uso desse utensílio: 1. A quantidade de plástico jogado fora a cada ano é suficiente para dar a volta ao mundo quatro vezes. 2. Cerca de 1.000.000 de aves marinhas e 100.000 mamíferos marinhos morrem anualmente por conta da poluição de plástico nos mares. 3. Alguns compostos encontrados no plástico foram acusados de alterar nossos hormônios. 4. 88% da superfície dos oceanos do mundo está contaminada com lixo plástico. 5. Só em Los Angeles, 10 toneladas de plástico são levados ao Oceano Pacífico por dia. 6. Hoje em dia só reciclamos 5% do plástico que usamos. 7. Praticamente todo o plástico já produzido no mundo ainda existe de alguma forma (com exceção de uma pequena parte que foi incinerada).
    45 de 100 Assinaturas
    Criado por mateus andré gonçalves rodrigues
  • Venda de pássaros
    Pela crueldade em si de aprisionamento de aves em gaiolas minúsculas e pelo fomento deste tipo de atividade criminosa.
    30 de 100 Assinaturas
    Criado por Ivair Coutinho Picture