Skip to main content

Para: Metrô | Companhia do Metropolitano de São Paulo

NÃO À DERRUBADA DE ÁRVORES DO COMPLEXO RAPADURA

NÃO À DERRUBADA DE ÁRVORES DO COMPLEXO RAPADURA

Metrô quer destruir o meio ambiente para armazenar areia e cimento! ❌

É isso mesmo, a Companhia do Metropolitano de São Paulo quer derrubar mais de 350 árvores da Praça Mauro Broco e fechar o CDC Jardim Têxtil, conhecido como "Campo do Rádio", para a construção do canteiro de obras da expansão da Linha 2 - Verde. Ou seja, o verde e o lazer cederão lugar para materiais de construção e por tempo indeterminado. Não dá para se esquecer sobre os prazos infinitos para a inauguração de estações e linhas de metrô sob as mãos dos governos tucanos! Temos que impedir isso o quanto antes, já que essa atrocidade está prevista para acontecer amanhã!

ENTENDA MAIS
👇
Localizada no Jardim Têxtil, a Praça Mauro Broco compõe o Complexo da Rapadura, um SÍTIO ARQUEOLÓGICO, tombado pelo Iphan, com vasta flora e flora.

Conforme o comunicado enviado pela empresa aos moradores do bairro, serão derrubadas 355 árvores sendo 118 árvores de espécie nativa, 232 árvores exóticas e 5 árvores em estado fitossanitário morto. Um completo absurdo! Esse habitat é vivido por aves, como o periquito-rico, maracanã-pequena, sabiá-laranjeira, entre outras.

E mais, essa devastação será feita sem nenhum diálogo com os moradores! Não houve sequer soluções inteligentes de preservação desse espaço fundamental para a comunidade e para o meio ambiente.

Por que isso é importante?

A Praça Mauro Broco, às margens do Córrego Rapadura, faz parte do Complexo da Rapadura, um espaço com vasta flora: aroeira-salsa (Schinus molle), eucalipto (Eucalyptus sp.), figueira-benjamim (Ficus benjamina), ipê-de-el-salvador (Tabebuia rosea), jacarandá-mimoso (Jacaranda mimosifolia), jerivá (Syagrus romanzoffiana), pau-ferro (Libidibia ferrea var. leiostachya), romãzeira (Punica granatum) e sibipiruna (Poincianella pluviosa var. peltophoroides). Já foram registradas 108 espécies vasculares, das quais estão ameaçadas de extinção: cedro (Cedrela fissilis), pau-brasil (Paubrasilia echinata) e pinheiro-do-paraná (Araucaria angustifolia).

Sua FAUNA é composta majoritariamente de aves, como o periquito-rico, maracanã-pequena, periquitão-maracanã, anu-branco, anu-preto, joão-de-barro, ferreirinho-relógio, guaracava-de-barriga-amarela, sabiá-laranjeira, sanhaço-do-coqueiro e cambacica. Além das aves, nas noites quentes e úmidas, o sapo-cururu pode ser avistado.

Tudo isso será devastado pelo MetrôSP, sem comunicação antecipada à comunidade e sem busca por soluções inteligentes de preservação desse espaço fundamental para a comunidade e para o meio ambiente.

Praça Mauro Broco - Jardim Textil, São Paulo - SP, 03414-070, Brasil

Maps © Stamen; Data © OSM and contributors, ODbL

Atualizações

2020-08-19 14:22:36 -0300

100assinaturas alcançadas

2020-08-19 10:29:07 -0300

50assinaturas alcançadas

2020-08-19 08:35:04 -0300

25assinaturas alcançadas

2020-08-18 21:49:33 -0300

10assinaturas alcançadas